Caribe


O Caribe pode parecer pequeno em tamanho, mas a diversidade de espécies marinhas de suas ilhas é assombrosa, somando surpreendentes 32 tipos de corais e 350 espécies de peixes. O mar é fonte de alimento e sustento para mais de metade dos 39 milhões de caribenhos, que em sua maioria vivem na costa.

Pescadores e habitantes do Caribe dependem de habitats costeiros e marinhos saudáveis para a sua subsistência. Infelizmente, hoje em dia, eles enfrentam crescentes ameaças devido à poluição, pesca predatória e aumento do nível do mar. O Caribe abriga o segundo maior recife do mundo, que sofrem com a tendência global de deterioração devido à acidificação e aquecimento dos oceanos.

Por mais de 20 anos, a TNC tem contribuído para estabelecer legalmente 3 Fundos Fiduciários nacionais, transplantar mais de 11.700 corais para a restauração dos recifes e plantar 25.636 manguezais para proteção da linha costeira.

Furacões, como o Sandy e o Katrina, demonstraram o impacto de tempestades e das mudanças climáticas sobre as comunidades costeiras. O projeto “Ao Fio da Água” da TNC usa estratégias inovadoras baseadas na natureza e fortalece as comunidades costeiras no Caribe oriental.

A TNC trabalha em conjunto com parceiros e voluntários nas Bahamas, Cuba, República Dominicana, Haiti, Jamaica, Porto Rico, Ilhas Virgens Britânicas e ilhas do Caribe Oriental para proteger o ambiente marinho, garantindo a subsistência daqueles que dependem do oceano.


Em Cuba, um dos países com a maior diversidade do Caribe e do mundo do ponto de vista ecológico, estamos ajudando a proteger os recifes de coral contra os efeitos negativos da expansão desordenada do turismo. Outros esforços da TNC na região incluem estimular iniciativas, como a Newsletter “Recifes de Coral nas Bahamas” e a Política de Restauração de Corais nas Ilhas Cayman.

Com o apoio da TNC, comunidades pesqueiras, petrolíferas e conservacionistas uniram-se pela primeira vez para elaborar um projeto de zoneamento para o Banco de Pedro, local de pesca mais popular da Jamaica. O projeto será essencial para a aplicação de práticas de pesca mais sustentáveis, além de propor mais áreas marinhas monitoradas que levem o país a alcançar a sua meta de proteger 25% do seu ambiente marinho até 2020.

Em conjunto com parceiros, a TNC capacitou líderes conservacionistas de Antígua e Barbuda, Dominica, Granada, São Cristóvão e Névis, Santa Lúcia e São Vicente e Granadinas preparando-os para criar e lançar campanhas nacionais próprias, abordando a importância da gestão adequada das zonas marinhas junto às comunidades locais.

Além dos ambientes marinhos, a TNC também protege biomas terrestres. A TNC entregou 130 fogões solares e 230 fogões eficientes no uso de combustível na cidade haitiana de Tilori para reduzir a pressão sobre os já escassos recursos florestais e complementar as atividades de restauração florestal. 

Na República Dominicana, em conjunto com nossos parceiros, criamos dois fundos de água para sustentar as bacias hídricas que abastecem mais de 60% da população.