TNC no mundo

Moçambique

Protegendo recursos importantes para a economia moçambicana e para todo o planeta.

Com grandes trechos de recifes de corais, mangues e estuários, o oeste do Oceano Índico abriga uma enorme diversidade de vida. A economia de vários países da região também é altamente dependente dos recursos marinhos, principalmente para pesca, turismo e transporte.

Atualmente, as águas do oeste do Oceano Índico têm sido pressionadas por práticas de pesca insustentáveis e destrutivas, que dizimam peixes e destroem os frágeis ecossistemas marinhos. Os recifes de corais da região também estão em risco com o aumento na temperatura do mar causado pelas mudanças climáticas.

Trabalhamos no litoral de Moçambique, buscando proteger alguns dos recifes de corais mais diversos de toda a África e, ao mesmo tempo, trazer melhorias para as comunidades que dependem deles.

Conheça nosso trabalho em Moçambique:

Protegendo o habitat crítico de recifes

O norte de Moçambique abriga mangues e áreas de floresta costeira, essenciais para a reprodução de cinco das sete espécies de tartarugas marinhas do mundo. Possivelmente a população mais importante do mundo de celacantos, um peixe pré-histórico ameaçado que já se acreditou estar extinto, sobrevive dentro dos cânions submarinos da região.

Áreas de pesca e cultivo de camarões são a principal fonte de subsistência para aproximadamente 500 mil pessoas na costa norte de Moçambique. A TNC trabalha com parceiros locais para melhorar a gestão desses recursos, uma forma de ajudar a atender as demandas por alimentos e segurança financeira na região.

Aumentando a resiliência às mudanças climáticas

Buscando responder aos impactos das mudanças climáticas no litoral de Moçambique, a TNC fornece assistência técnica para parceiros locais, que estão identificando comunidades de recifes de corais naturalmente mais resistentes à descoloração e aos danos causados pelas mudanças de temperatura da água. Com a proteção dessas espécies mais resilientes, toda a comunidade de recifes passa a ter maior capacidade de se adaptar às mudanças climáticas e, portanto, de continuar apoiando o desenvolvimento de áreas de pesca que alimentem milhares de pessoas. Além disso, por meio do Desafio do Oceano Índico Oeste, estamos reunindo stakeholders ao longo da costa leste africana e nas ilhas do Oceano Índico para formar parcerias que reduzam os impactos das mudanças climáticas, protegendo ecossistemas marinhos e garantindo a subsistência das populações locais.

RSS

Mais recentes

Saiba mais

Chile
Colômbia

Como Funcionamos
Como Funcionamos

76% Programas de conservação

14% Funções administrativas

10% Arrecadação de fundos e programas de membros